Angola,

Informações Úteis
Sobre Angola

about image

Densidade Populacional

DENSIDADE POPULACIONAL: 29 310 milhões de habitantes

Fuso Horário: (GMT+1)

Cód. Telef.: +244

NÚMEROS DE EMERGÊNCIA EM ANGOLA:

113 – Polícia
115 – Bombeiros
116 – (INEMA) Serviço de ambulâncias

ÁGUA E ELETRICIDADE:

A água canalizada é de razoável qualidade só deve ser consumida fervida, filtrada ou esterilizada. A corrente elétrica é de 220/240 50hz, falhas, assim como oscilações de corrente são frequentes, pelo que sempre que possível devera utilizar um estabilizador para protecção de aparelhos elétricos.

Saúde & Vacinas

A única vacina obrigatória para poder visitar Angola, é a vacina contra a febre-amarela (obrigatória também para passageiros em escala +12h). Esta deve ser tomada, pelo menos, 10 dias antes da sua viagem.

Bebés com menos de 9 meses estão isentos.

Para obter mais informações acerca de vacinas recomendadas, contacte a Embaixada de Angola no seu país de residência.

Encontram-se isentos da toma da vacina contra a Febre-amarela, todos os passageiros que:

Se encontrem em escala entre Portugal e África do Sul, Portugal e Maputo, Portugal e Harare, Portugal e Lusaka ou Portugal e Namíbia com permanência em Luanda inferior a 12 horas.

Se encontrem em viagem entre Luanda e Lisboa, Porto, Bruxelas, Frankfurt, Amesterdão, Londres, Nairobi, Paris ou Casablanca.

No entanto, é nossa recomendação que todos os passageiros tenham a toma da vacina em dia.

Informações Úteis
Alojamento & Comunicações

Alojamento

O alojamento hoteleiro em Angola, e particularmente em Luanda, foi alvo de grande desenvolvimento nos últimos anos.

Em Luanda verifica-se atualmente uma oferta significativa, que possibilita ao viajante uma escolha diversificada. Fora de Luanda, a oferta tem vindo a melhorar, sobretudo nas capitais provinciais. Dada a diversidade da localização, características e preços dos hotéis, aconselha-se a realização de uma reserva prévia.

Telecomunicações

Existem comunicações telefónicas através da rede fixa, na capital e nas principais cidades. Operam igualmente duas redes telefónicas móveis, Móvicel e Unitel, cobrindo os principais aglomerados populacionais. O sistema roaming funciona através da rede móvel da Unitel, que utiliza o sistema europeu.

É possível aceder à internet através destas redes através de um carregamento de dados móveis no seu cartão.

O carregamento de saldo quer para chamadas e mensagens, quer para dados móveis, é efectuado através da compra de cartões que se encontram à venda em lojas de telecomunicações, mercearias, vendedores de rua ou multibanco (“multicaixa”).

A Empresa Correios de Angola dispõe de balcões nas principais localidades do País, garantindo um serviço de qualidade. Existem, também, empresas de correio expresso.

Informações Úteis
Moeda & Cambios

Moeda & Cambio

A moeda local é o Kwanza (AOA). Poderá obter a respetiva taxa de câmbio na seguinte página internet: http://www.bna.ao.

O sistema bancário tem vindo a desenvolver-se ao longo dos últimos anos, estando sobretudo presente nas grandes cidades. É possível utilizar praticamente todo o tipo de serviços bancários, persistindo no entanto dificuldades pontuais, muitas vezes resultantes de falhas de sistema.

A utilização de cartões, principalmente de débito (vulgo “multicaixa”), está generalizada. Pode, ainda, recorrer-se a outros serviços, como o cartão de crédito.
Previamente à partida é aconselhável obter a confirmação, junto da instituição bancária emissora, relativamente à possibilidade de utilização do seu cartão em Angola.
As redes multicaixa permitem também levantamentos aos portadores de cartões visa emitidos fora do país, devendo para o efeito recorrer às que possuem indicação de Rede VISA.

Relativamente ao montante de divisas cuja saída para o exterior do país é permitida, sugere-se a consulta da informação disponibilizada no website do Banco Nacional de Angola: http://www.bna.ao/anexos/transaccoesmoedaestrangeira.pdf

Passaporte, Vistos & Alfandegas

Para entrar na República de Angola, todos os cidadãos estrangeiros terão de apresentar os seguintes documentos, excepto passageiros em escala (até 24h de permanência em Luanda):

  • Passaporte válido superior a seis meses;
  • Visto adequado ao propósito da visita;
  • Declaração de meios de subsistência;
  • Certificado de vacinas internacional;
  • Reserva de hotel válida ou informação de residência válida;

Para obter informações adicionais, por favor, consulte a Embaixada de Angola no seu país de residência.

 

Transportes

Existem varias empresas de rent-a-car, principalmente na capital. Existe uma rede de transporte pública nas principais cidades dos pais, mais é ainda muito deficitária. Mas se quiser mesmo experimentar como se desloca a maior parte da população (e ficar inteirado das utilidades noticias do pais) devera apanhar um candongueiro” vulgo táxi colectivo” que tem como característica das suas cores azul e branco.

TRANSPORTE AÉREO:

A TAAG – Transportes Aéreos Angolanos é companhia de Bandeira nacional e a única companhia angolana que voa para destinos internacionais.

Há voos domésticos para diversas cidades, operados sobretudo pela TAAG, mas também por outras empresas angolanas.

TRANSPORTE RODOVIÁRIO E SEGURANÇA RODOVIÁRIA:

Há táxis nos aeroportos e nas principais cidades. Sugere-se precaução na utilização de táxis, verificando que o taxímetro está ligado e pedindo uma estimativa inicial quanto ao preço da deslocação.

Evite os mini-autocarros conhecidos como “candongueiros”, frequentemente em mau estado. Aconselhamos a que assegure, previamente à sua deslocação, o respetivo acolhimento à chegada ao aeroporto e um transporte para o seu destino que ofereça garantias de segurança.

O trânsito nas grandes cidades é bastante intenso nas horas de ponta e há deficiências na sinalização e iluminação das vias. Embora seja relativamente seguro viajar durante o dia, é aconselhável manter as portas dos carros trancadas, as janelas completamente fechadas e os volumes transportados fora do alcance da visão exterior.

As infraestruturas rodoviárias que ligam as principais cidades do país têm vindo a melhorar, embora permaneçam ainda debilidades agravadas durante a estação das chuvas (outubro a abril). Antes de fazer uma deslocação para fora de Luanda, informe-se sobre o estado das vias, planeie as suas viagens de forma a viajar sem pressa, informando-se antecipadamente sobre a localização e a qualidade dos postos de abastecimento de combustível existentes no caminho. É aconselhável, dada a grande extensão de troços rodoviários sem apoio de emergência, efetuar viagens inter-provinciais em companhia de uma segunda viatura e evitar conduzir, neste contexto, durante a noite.

Os padrões de condução e as condições de certas vias rodoviárias são ainda limitados, pelo que é aconselhável, fora das grandes cidades, a deslocação com viaturas de tração integral. Os níveis de sinistralidade rodoviária são elevados, pelo que se aconselha que tome todas as precauções ao conduzir em Angola.

Acresce ainda, como factor de risco na condução, o facto de circularem nas estradas e por entre o trânsito vendedores itinerantes, motociclistas e peões que muitas vezes colocam em perigo a sua própria vida e a dos condutores.

TRANSPORTE FERROVIÁRIO:

Nos últimos anos foram recuperados troços importantes das linhas de Luanda-Malange, Benguela-Moxico e Namibe-Cuando Cubango. A frequência dos comboios é, porém, irregular, pelo que constituem uma alternativa limitada.


TRANSPORTE MARÍTIMO:

Há ligações entre os terminais marítimos de passageiros de Luanda Sul e o terminal do porto de Luanda. A viagem tem a duração de cerca de 40 minutos, evitando o congestionamento de tráfego rodoviário frequente naquele percurso. O serviço de transporte é assegurado por ferry-boats com capacidade para 420 passageiros cada, com bilhetes a preços acessíveis. Recomenda-se a consulta prévia dos preços e horários.

 

AEROPORTOS:

Aeroporto Internacional 4 de Fevereiro – Luanda

Aeroporto da Internacional Sá da Bandeira – Lubango

Aeroporto de Ongiva

Aeroporto de Dundo

Aeroporto de Cabinda

Aeroporto de Kuito

Aeroporto de Namibe

Aeroporto Internacional de Catumbela

Aeroporto de Soyo

Aeroporto de Menongue

Aeroporto de Huambo

Aeroporto de Luena

Aeroporto de Saurimo

PORTOS:

Porto de Cabinda

Porto de Lobito

Porto de Luanda

Porto de Namibe

Porto do Soyo

FRONTEIRAS

Santa clara – Cunene

Luvo – Zaire

Kimbata – Uíge

Massabi – Cabinda

Luau – Moxico

Chiluange – Lunda Sul

Chissande – Lunda Norte

Dirico – Cuando Cubango

SIGA-NOS

Inscreva-se na nossa Newsletter

Registe-se e receba todas as nossas novidades, promoções e produtos em destaque.

2019©angolaturismo.ao, Todos os direitos reservados.

brasao2 01 01

Pesquisa